terça-feira, 9 de dezembro de 2008

O príncipe Tim

Photobucket




Photobucket



Era uma vez um príncipe muito egoísta chamado Tim.
O príncipe Tim queria tudo só para ele.
Na Páscoa todos os ovos de chocolate do seu reino
Tinham que ser dele. Não sobrava nada para ninguém.
E o príncipe comia, comia e comia, até ficar com dor de barriga.
E aí queria todos os remédios de dor de barriga do reino só para ele.
No Natal era a mesma coisa: ele queria todos os presentes do reino só para ele.
Tudo, tudinho mesmo, todos os brinquedos que fossem feitos, produzidos ou
Inventados no seu reino tinham que ser dele.
Ele queria todos os carrinhos, todos os cavalinhos, todos os carrosséis,
Todos os jogos, todas as bicicletas, enfim tudo.
E assim ano após ano os Natais iam passando e ninguém ganhava nada.
Porque o príncipe ganhava tudo e não sobrava nada para ninguém,
Nenhum presente para outra pessoa, nenhum brinquedo
Para nenhuma outra criança brincar.
Contam que há dois anos atrás o Pai Natal até tentou entregar um
Ursinho de pelúcia na casa do pequeno Tomas.
Mas foi impedido pelos guardas do príncipe que tomaram o ursinho das mãos
Do Pai Natal e levaram correndo até ao príncipe Tim.
Então viver no reino do príncipe Tim era assim muito triste: sem presentes, sem
Páscoa, sem Natal, sem nada.
O príncipe Tim, por outro lado, tinha tudo, ficava sempre com tudo.
Mandou até construir mais 10 salões de brinquedos pra poder guardar
Todos os brinquedos que ele tinha.
Um dia contaram ao príncipe Tim que além das montanhas azuis do reino existia um
Outro reino que tinha um outro príncipe.
- E ele também ganha presentes? – Perguntou o príncipe Tim.
- Claro que sim, vossa Alteza. Nossos espiões espionaram o príncipe Alex e
Descobrimos que ele tem mais brinquedos que o senhor – disse o Primeiro-Ministro.
- MAIS PRESENTES DO QUE EU? – Gritou o príncipe Tim,
Num grito tão alto, mas tão alto que pôde ser ouvido nos quatro cantos do seu reino. – Não pode ser! Isso eu não admito! Vou escrever agora mesmo ao Papai Noel!
E escreveu uma carta para o Papai Noel assim:
“Papai Noel: o senhor está intimado a me dar todos os presentes do meu reino e
Também os do príncipe Alex. Senão teremos guerra!”

Photobucket

Como você acha que deve terminar esta história?
Deixe a sua opinião, obrigada!!!


Photobucket

2 comentários:

sónia andreia disse...

ola linda adorei a historia,e na minha opiniao acho ke o principe tim,nao devia receber nada, pois ele é muito egoista,so pensa nele,e na barriga dele,se ele ker guerra pois ke aja,pois se ele tivesse amor pelas pessoas e gostasse de dividir as coisas seria melhor é a minha opiniao um beijinho linda.

katya disse...

Passei voando para dizer que tem presente de Natal e recados no meu post do dia 10/12.
Estou voltando a ativa tentando responder a todos os recadinhos e agradecer todos presentes.
"Natal é o nascimento de Cristo.
Ano Novo é o nascimento de uma nova esperança.
Feliz Natal e Próspero Ano Novo."